Magras – Um fato da vida!

Hoje eu me aceito, me amo e sou feliz assim!
Eu nunca tive aptidão para ter um blog de moda e beleza. Acho que na realidade eu não tinha e  agora eu realmente tenho. Já faz um tempo que me preocupo se tenho ou não roupa e se elas combinam comigo e com o que quero passar para as pessoas. E isso é algo que realmente faz todo sentido pra mim, HOJE.
Há um tempinho atrás eu continuava como sou hoje: MAGRA. Tudo bem que hoje em dia ser magra é algo que todos querem e acham o MÁXIMO. Certo minha amiga, seja magra com 46 kilos (que é o máximo de peso que consigo atingir na vida) e use PP, 34 e afins.
Quando eu era adolescente eu só usava camiseta, calça de ginástica e All Star. Jeans para sair de noite e vez em quando um saltinho. Além disso eu tinha várias apelidos super legais: magrela, Olívia Palito, seca, vara de bambu, e por aí vai. Oooo fase!
Hoje em dia eu nem ligo para essa baboseira toda. Mas claro que no meu auge dos 15 anos e todas as minhas amigas com pernas, bundas e seios essa insunuações carinhosas me incomodava um bocadinho (quase nada). Seios? Brasil o que era isso? O que será que elas tomavam na água que lá em casa não tinha?
Independente disso eu sempre fui marrentinha e decidida nessa vida. Se não vem beleza, Deus te da outra coisa né meu bem?
Não pensem que o Blog Caren Sales veio de toda minha intimidade com o Universo Feminino desde sempre. Eu só adquiri esse gosto com o tempo, com idade e com as transformações que a vida nos traz. Por que antes,lá em Malacacheta, eu jogava bolinha de gude e futebol na rua com a molecada. Além de ter um super entusiasmo para jogar vôlei todos os dias da minha vida.
Look do dia? Isso nem passava pela minha cabeça. Roupas? Quando eu achava uma que desse para meu corpinho 34 eram pulos de alegria pelo simples fato de ter encontrado algo que nem era o que eu queria. E depois, lágrimas sem fim pelo preço que eu teria que pagar em um peça tão pequena.
Essa era a saga de ser MAGRA 34. Achar uma calça era um pequeno parto. Lembrando que eu morava no interior de Minas Gerais e tinha que viajar umas 3 horas para achar algo CARO que me servisse.
O tempo já passou e pouca coisa mudou quando o assunto é: VISTO 34! Eu acho roupas SIM, bem mais que antigamente. Mas ainda assim encontro muito dificuldade. Tenho lugares específicos para comprar e fico muito feliz quando um 36 da certo no meu corpo. Em pleno século XXI e com a era do Detox acho que a indústria não está acompanhando essa moda. Já que tem tanto regime, dieta, academia, suco verde e afins ( que eu acho um saco) vamos produzir mais peças 34?
Quem mais aí tem problemas como os meus?
Me contem… quero saber tudooo!
Beijos beijos
Caren Sales
Anúncios

28 pensamentos sobre “Magras – Um fato da vida!

  1. Oi, Caren !
    Adorei o seu post !
    Eu sempre fui “desencanada” ou melhor “relaxada” com essas coisas e como eu era muito tímida, me escondia dentro de camisetas e calças largas. Hoje já me interesso mais por estes assuntos e estou feliz com o corpo que tenho.
    No final das contas o importante é ser feliz e a “diversidade” de estilos e ideias é o que torna as pessoas mais interessantes, não é ?
    Parabéns pelo seu blog !
    Beijos.
    http://www.leticiaparisi.wordpress.com

    • OOOOOIIIIIIII LE

      Poxa… super concordo com você lindona. Acho que essa primeira coisa de se aceitar e ser feliz é bem lenta.
      Mas hoje em dia não me incomodo com nada disso. Acho que a vida e os dias felizes vão muiito além né?
      Você está super certa…!!!!
      Obrigada pela visita lindona.!

      Beijo grande
      CS

  2. Lados oposto! Já eu sofro por ser acima do peso haha; e a dificuldade de encontrar lojas com peças bacanas. É bem chato e dificil estar fora dos padrões, devido a isso. Mas acho que depois que você se aceita, as coisas fluem, apesar das dificuldades.

    Adorei o texto! Bjao

    • Jesse,

      Quem falou que tem um padrão? Coisa chata isso.
      Fico tão chateada com esses padrões. Tô nem aí para essa zorra toda.!
      Temos que parar de se preocupar tanto com isso. Beleza é essência, é vida, é gentileza.
      Nosso corpo não tem obrigação de ser como as pessoas querem.!
      Fluem mesmo. Aceitação é uma coisa excelente para nosso cotidiano… nos ensina muito e faz com que a gente se ame bem bem mais.!

      Obrigada pela visitinha!
      Um beijo
      CS

    • Lady…!
      Nem me fale… OOOO SOFRIMENTO MEU DEUS.
      Quando eu achava eram as mais caras.! Essa é só uma parte da resenha.!
      Tem muiiiito mais…rsrs

      Beijos lindona
      Feliz demais com sua visitinha aqui!
      CS

    • Sua linda…!
      Eu continua usando 34 meu amor.! Nada mudou.
      O que mudou foi meu pensamento em relação a essa condição. Não me importa muito isso.
      Estou feliz e me aceito como sou. É o importante, não tem padrões. Se estamos feliz o padrão é esse: FELICIDADE
      Nossaaaa… na adolescencia foi triste… mas hoje em dia não me abalo não.
      Concordo super com você lindona.

      Beijo grande
      Obrigada pela visitinha por aqui!

  3. É bem isso mesmo,hoje tó aqui orgulhosa dos meu 50kg e calças 36/38, mas a vida nem sempre foi fácil assim…kkk…por muito tempo pesei 46kg e usei roupa 34/36 e as vezes até um 16 da coleção infantil…kkk…o povo acha que ser magra é fácil e que você vai na loja e tudo serve, mas só a gente sabe que é tão difícil como usar 44 hoje em dia, quantas vezes não fiquei chateada porque nada na loja servia…

    • Camila… Lindona eu nunca pesei 50kg
      Meu máximo foi 49 e hoje peso 46…rsrs
      Calças 34 raramente 36
      Mas não ligo mais para isso.!!!
      Eu também fico triste por não ter tantas opções 34…
      Vamos fazer uma campanha…rsrs

      Beijos flor
      Obrigada pela visita
      CS

  4. Já passei por isso (vc me conhece e sabe bem )..oh dificuldade em encontrar roupa tamanho 34 ou PP viu…..hj visto 36 e as vezes ainda entro em uma loja e peço 34 pra ver o prazer de não entrar e pedir uma 36..sempre tive vontade de engordar..hj nem tanto….sou apaixonada pelo meu corpo..tenho peito e bunda não tao grandes mas proporcional ao meu peso e tamanho.
    Acho ridículo aquelas modelos agras demais que não em bunda nem peito direito..sou muito mais eu,…rsrsrsrsrs

    • Claro que sei.!
      Nossa que tristeza… Passo por isso até hoje.
      Mas não me incomoda o fato de usar 34! Já estou bem satisfeita com meu corpo.
      Hahahaha… Isso mesmo PP e 34… Vez em quando um 36!
      É a vida… mas acho legal a ideia de ser pequena e tudo mais…rsrs
      Concordo muito… temos que nos amar.!

      Amei sua visitinha lindona!!!
      Beijos grande
      CS

  5. Sei exatamente como é isso.Sou magra e sempre fui a mais alta da turma, daquelas que sempre era mandada para o final da fila hehehehe..Passei pela adolescência e sobrevivi, tinha vários apelidos mas nunca me importei com eles.. O que me incomodava era ver todas as meninas com curvas e eu nadinha de nada ( mas bem nadinha mesmo hehe) Mas hoje em dia, isso não me incomoda mais e eu adoro o meu corpo mesmo continuando sem curvas. Outra coisa que me incomoda é que as pessoas tem mania de pensar que se a pessoa está magra é pq tem algum problema de saúde.Já perdi a conta de quantas vezes tive que falar que eu não tinha nada e o motivo da minha magreza era a genética.
    A unica coisa que continua igual é a minha dificuldade em encontrar calças…É uma luta encontrar calças que de certo o comprimento e eu sempre tenho que comprar números maiores e mandar apertar, hehehe..

    Adorei o seu post.
    Beijos,
    gabipiazza.blogspot.com

    • Ainn lindona.!
      Eu sempre fui magrinha e baixinha.
      Mas hoje em dia não sofro mais com isso.!
      Você está super certa. Quando eu era mais nova os apelidos me deixavam super triste. E minhas amigas também eram cheias de curvas.!
      Mas cada um tem o seu potencial e suas qualidades.!

      Fiquei muito feliz com sua visita lindona.
      Um beijo
      CS

    • Lindona… que coisa boa!
      E a gente acha que não tem quase ninguém com essa mesma saga né?
      Mas que bom… fico muito feliz!!!!
      Mais calças 34 por favor.! Só acho!

      Obrigada pela visita minha linda!
      Um beijo
      CS

  6. Ameiiiii seu post!!!!Quem diria que aquela menina marrentinha,magrela de moleton,calça de ginástica,All Star com meia na canela…Hoje se transformaria nessa mulher linda e vaidosa,dona de um blog que tá fazendo muitoooo sucessoooo!!!!!Parabéns!!!!Bjo grande…

  7. No final das contas, o importante mesmo é estar bem consigo. Mas convenhamos que na adolescência esse pensamento passa longe e é a fase mais difícil, dependendo de como encaramos esse desafio é que depende a nossa auto-estima.
    Parabéns por ter passado essa fase com nota máxima, por isso você é exemplo e essa blogueira lindona que a gente aaaadora!!
    Beijos. 🙂

    • Monica linda…
      Super concordo.!
      Nossa… quando eu era mais nova… sofria demais.!
      Hoje em dia sou super feliz com isso.! Não me importo… faço coisas que me fazem bem, falo com pessoas que me fazem bem, e estou procurando frequentar lugares onde me sinto bem.!
      Acho que é assim…devemos ser felizes. O tempo é tão curto. Não vemos passar nada.

      Obrigada minha linda… você mora no meu ❤

      Um beijo
      CS

    • Myyyy
      Como assim? Só acho que deviam existir mais calças 34 por aí!!!rsrs
      Nossaaaaaa…. Eu peso 46 já fazem uns 2 anos.!
      Mas hoje sou feliz assim… nada me abala nesse quesito..1
      Magras com amor.!!!

      Beijo lindona
      Amei sua visitinha
      CS

  8. Nossa sei bem como é isso é uma calça que serve na cintura mas não fica legal nas pernas e outras que servem nas pernas mas não na cintura. Mas me amo e me aceito assim e é sempre o mais importante.. Mais calças, shorts e saias 34 please as magrinhas agradecem.. Parabéns pelo post e vc tá cada dia mais linda..

    • Ainn Dina.!
      Nem me digaaa.. Pensa numa tristeza eterna né?
      Mas hoje em dia nem ligo mais com isso.!
      Apoio o mais calças 34 por favor.!!!rsrs
      Mas vamos que vamos.!

      Imagina… obrigada você pelo carinho.!

      Um beijo
      CS

  9. Ca, eu amei esse post…
    Ontem mesmo estava conversando com uma amiga aqui…que é super magrinha como nós…e ela estava super pra baixo sabe…
    Vou indicar seu blog pra ela!!!
    bjaum!!!
    Annynha
    Saudades viu!!!

    • Oii Annynha!

      Jura lindona?
      Poxa… diga a ela para ler o post.
      Não podemos ficar assim… Graças a Deus essa minha fase de deprê já passou!
      E não tem nada melhor do que nos sentirmos bem com nós mesmas!
      Isso é um fato.!

      Que bom que gostou lindona… espero que ela leia e goste.!

      Um beijo
      CS

  10. Caren, tudo bem?! Te entendo perfeitamente, só consegui passar dos 46kg na.minha gestação e depois que minha filha nasceu emagreci mais ainda com a amamentação. Se gosto muito de uma.peça que não tem o caimento do jeito que eu quero, compro r levo em uma.costureira. Aprendi depois de muito anos a me.aceitar como sou, e acho super concordo com seu post. Um beijo grande!!!

    • Dryelle… minha lindona!
      Tudo bem sim e você?

      Pensa numa felicidade? Coisa boa demais ver os comentários de vocês por aqui.!
      Hoje eu me aceito sim… estou mais confiante e sei que não tem nada de errado comigo.
      Eu também sofria assim… hoje até que consigo achar umas roupinhas PP ou 34.
      Obrigada pelo carinho minha linda

      Um beijo no seu coração!
      CS

Obrigada pela visita!!! Beijos!!! CS

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s